Fernando Diniz

Fernando Antônio Nascimento Diniz
João Pessoa-PB, 1959. Vive e trabalha em João Pessoa.

Restaurador e arte-educador. Graduação em Educação Artística (UFPB, 1989). Cursos/oficinas: Treinamento em Conservação e Restauração de Azulejos (Centro Cultural de São Francisco, João Pessoa, 1993); Seminário Nacional de Conservação e Restauração de Obras de Arte (Salvador, 1995); Oficina de Restauração em Pintura [Festival de Arte de Areia] (1999); Curso Restauração e Encadernação de Documentos (Fundação Casa de José Américo, 2007). Atividades profissionais: Secretaria do Interior e Justiça (Governo da Paraíba, 1978); Fundação Pró-Memória (Convento de Santo Antônio e Igreja de São Francisco, João Pessoa, 1984); Comissão de Implantação de Museus (Governo da Paraíba, 1988); Restaurador de Bens Culturais (Funesc, 1988); Coordenador da equipe de restauro do Sítio Histórico da Fazenda Acauã (Aparecida-PB, 1999). Restaurações de acervos particulares (Ateliê Acores, João Pessoa, 2000). Ministrou curso de conservação de bens culturais móveis [Sebrae Paraíba] (Areia-PB, 1997). Trabalhos de restauração e conservação em acervos: do MIS/Funcep, IHGP, Funesc, Mosteiro de São Bento, Tribunal de Justiça, NAC/UFPB, Palácio da Redenção, Casarão de Azulejos, Igreja de Nossa Senhora da Conceição (Araruna-PB), Capela de Nossa Senhora da Conceição/Sítio Histórico de Acauã (Aparecida-PB), Igreja de São Pedro Gonçalves, Museu Pedro Américo (Areia-PB), Galeria Archidy Picado/Funesc, Museu Casa de José Américo/FCJA (1985-2010). Participou da mostra Novos artistas paraibanos(Funesc, 1984).

fonte: [informações do restaurador]

MIS/Funcep, IHGP, Funesc, Mosteiro de São Bento, Tribunal de Justiça, NAC/UFPB, Palácio da Redenção, Casarão de Azulejos, Igreja de Nossa Senhora da Conceição (Araruna-PB), Capela de Nossa Senhora da Conceição/Sítio Histórico de Acauã (Aparecida-PB), Igreja de São Pedro Gonçalves, Museu Pedro Américo (Areia-PB), Galeria Archidy Picado/Funesc, Museu Casa de José Américo/FCJA (1985-2010)

Igreja de São Pedro dos Clérigos (DEC/UFPE, Recife, 1970); Teatro do Parque (Recife, 1977); Salão Campinense de Artistas Plásticos (Campina Grande, 1980); Festival de Arte de Areia (Areia-PB, 1981); Atelier Livre do MAAC (Campina Grande, 1981).

Buscar outros artistas

Log in with your credentials

Forgot your details?